Legalização de menor alojada na pensão Nova Avenida, 1978. (1)

Informação (nº 301/S.S./78) com pedido de legalização da situação de uma menor de 15 anos, alojada na Pensão Nova Avenida, em Lisboa, com a intenção de a transferir, juntamente com os seus 4 irmãos, para um Lar de Estudantes. A jovem vivia com os pardinhos em Vilar Formoso (no distrito da Guarda) e foi posteriormente entregue à sua mãe, que vivia na Pensão Nova Avenida. A mãe, que entretanto faleceu, não chegou a contactar o Departamento de Alojamentos do IARN para que a filha fosse incluída no agregado familiar, tendo esta permanecido numa situação ilegal. A jovem encontra-se orfã de pai e mãe. Autoria: Leonilde Graça Bau, Técnica de Serviço Social; 31 de outubro de 1978. Proveniência: IARN – Presidência do Conselho de Ministros, Instituto de Apoio ao Retorno de Nacionais.

Arquivo Histórico Ultramarino (AHU-IARN)

PASTA 277 - Desalojados A-F

Ver neste arquivo, o documento: "Legalização de menor alojada na pensão Nova Avenida, 1979. (2)"